Governo cria companhia Raio no Juruá e inicia radiocomunicação digital entre as polícias

A partir de agora, o Juruá está integrado via radiocomunicação digital às demais regiões do estado. A Segurança Pública do Acre realizou nesta sexta-feira, 23, a entrega dos equipamentos digitais de última geração em Cruzeiro do Sul. A solenidade contou com a presença de autoridades civis e militares e foi realizada no 6º Batalhão de Polícia Militar (6º BPM), ocasião em que foi inaugurada a Companhia Motorizada de Rondas Intensivas e Ostensivas (Raio), que agora conta com novas motocicletas e pilotos treinados para patrulhamento de alto risco.

Trata-se de um investimento de aproximadamente R$ 14 milhões, dos quais já foram executados R$ 11 milhões na construção de 22 torres, de Brasileia a Cruzeiro do Sul, por meio de recursos da Estratégia Nacional de Fronteiras (Enafron) oriundos do governo da então presidente Dilma Rousseff.

Só para Cruzeiro do Sul, são quase 100 novos radiocomunicadores digitais para as polícias Militar e Civil e o Corpo de Bombeiros.

“Agora Cruzeiro tem acesso ao Ciosp [Centro Integrado de Operações de Segurança Pública] de Brasileia, Senador Guiomard, Plácido de Castro, Acrelândia até o posto de fiscalização da Tucandeira, na divisa com Rondônia, sem interrupção da frequência. Isso faz com que a segurança possa salvar vidas, em casos de emergência nas rodovias ou algo do tipo”, explicou o secretário de Segurança Pública, Emylson Farias, aos militares presentes à solenidade.

Fortalecimento do Raio

Com a meta de chegar a 100 motocicletas em todo o Acre até o fim do ano, semana após semana o governo segue no esforço para fortalecer a companhia. Com a ampliação do Raio para o Juruá, agora são 57 motocicletas no combate à criminalidade em ruas e becos do estado.

“O Raio é uma criação do governo do Estado, por meio da Segurança Pública, e vai ajudar muito no combate aos roubos em via pública, no acesso aos locais difíceis e no trânsito quando a viatura não consegue passar, mas as motocicletas têm acesso rápido”, explicou o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Marcos Kinpara.

Redução de homicídios

A chegada da Companhia Raio em Cruzeiro do Sul, fortalece ainda mais o trabalho das polícias nas ruas com agilidade e eficiência.

As diversas ações da segurança têm colaborado para a redução dos índices de criminalidade em todo o Estado. Fevereiro foi considerado pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) como o período mais tranquilo dos últimos 18 meses. Os homicídios caíram em mais de 40% na comparação com janeiro.

A tendência de queda segue semana após semana. Nos primeiros 23 dias de março, houve redução de 38% nos casos de homicídios em comparação ao mesmo período do recorrente mês em 2017 em todo o Acre, enquanto em Rio Branco, a redução é de 68% no mesmo período.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *